Engenharia Hidráulica

PERI Portugal - Projectos - Cofragens e Andaimes - Barragem de Foz Tua PERI Portugal - Projectos - Cofragens e Andaimes - Barragem de Foz Tua PERI Portugal - Projectos - Cofragens e Andaimes - Barragem de Foz Tua Mais imagens  

Barragem de Foz Tua



Alijó, Vila Real



O projecto da Barragem de Foz Tua de geometria arco abobada de dupla curvatura conta com um paramento em betão armado, com uma altura máxima de 108m e de 275m desenvolvimento de coroamento. O paramento inclui quatro descarregadores de superfície, descarga de fundo e estrutura de caudal ecológico num estimado volume total de betão na ordem dos 391 700m3 e 103 000 m2 de área de aplicação de cofragem. A movimentação de sistemas de cofragem e escoramento é realizada através de de 2 gruas torre instaladas no paramento da barragem e auxílio de gruas moveis colocadas sobre os blocos. A betonagem é realizada através de blondain duplo, assegurando capacidades de 7,5 m3 de betão por descarga.

A Central de geração enterrada e Edifício Montante, localizados a 500m a jusante da barragem, instalada na margem direita do rio é equipada com dois grupos reversíveis de 130MW/cada. O seu projecto obedeceu a importantes critérios arquitectónicos e ambientais, implicando um grande desafio quanto ao plano de esterotomia e prazos de execução, tendo havido uma conjugação entre todos os intervenientes, num projecto de EDP Produção / COBA / QUADRANTE / Arq. Souto Moura.

O circuito hidráulico é constituido por dois tunéis independents TC1 e TC2, com respectivamente 490m e 550m de comprimento, com 7,5m de diametro de revestimento de betão, numa inclinação media de 16,4%.

A Tomada de Água de dupla entrada, localizada a montante dos paramentos, na zona de albufeira a partir da cota 140.5m, permitirá a admissão de água da albufeira com a cota de 170 m.
O projecto da Barragem de Foz Tua de geometria arco abobada de dupla curvatura conta com um paramento em betão armado, com uma altura máxima de 108m e de 275m desenvolvimento de coroamento. O paramento inclui quatro descarregadores de superfície, descarga de fundo e estrutura de caudal ecológico num estimado volume total de betão na ordem dos 391 700m3 e 103 000 m2 de área de aplicação de cofragem. A movimentação de sistemas de cofragem e escoramento é realizada através de de 2 gruas torre instaladas no paramento da barragem e auxílio de gruas moveis colocadas sobre os blocos. A betonagem é realizada através de blondain duplo, assegurando capacidades de 7,5 m3 de betão por descarga.

A Central de geração enterrada e Edifício Montante, localizados a 500m a jusante da barragem, instalada na margem direita do rio é equipada com dois grupos reversíveis de 130MW/cada. O seu projecto obedeceu a importantes critérios arquitectónicos e ambientais, implicando um grande desafio quanto ao plano de esterotomia e prazos de execução, tendo havido uma conjugação entre todos os intervenientes, num projecto de EDP Produção / COBA / QUADRANTE / Arq. Souto Moura.

O circuito hidráulico é constituido por dois tunéis independents TC1 e TC2, com respectivamente 490m e 550m de comprimento, com 7,5m de diametro de revestimento de betão, numa inclinação media de 16,4%.

A Tomada de Água de dupla entrada, localizada a montante dos paramentos, na zona de albufeira a partir da cota 140.5m, permitirá a admissão de água da albufeira com a cota de 170 m.

Sistemas PERI Utilizados
  • Sistema para Torres/Mesas Multiprop
  • MULTIFLEX Cofragem com vigas para Lajes
  • Estrutura de Escoramento SB
  • VARIOKIT
  • TRIO

  • Engº Paulo Libório


    Director de obra

    Com a permanência de técnicos em obra interligados ao seu departamento de projecto, a parceria desenvolvida com a Peri permitiu desenvolver com todos os intervenientes directos, as soluções técnicas de cofragem para cumprimento do projecto de execução, em prazos que de outra forma seriam mais alargados.
    Ao longo das várias actividades de cofragem, com equipamentos variáveis em quantidade e prazo, a Peri efectuou a sua gestão, coordenando os seus estaleiros em obra com as entidades executantes, de forma a garantir a sua rentabilidade em termos de prazo e custo.

    As soluções PERI foram estudadas para a complexidade da obra, adaptando-se às suas necessidades e especificidades de cada elemento estrutural. A PERI em conjunto com ACE FOZ TUA (Mota Engil S.A, Somague S.A, MSF S.A) abraçaram esta obra nos diversos elementos estruturais (Barragem / Tuneis de Carga / Bacia Dissipação / Central / Desvio Provisório / Tomada de Água).
    No corpo da Barragem (Paramentos e Bacia Dissipação) a Peri tem uma participação activa na elaboração dos projectos de cofragem e no acompanhamento diario em obra, na otpimização e verificação das soluções implementadas, e da sua exequabilidade, quer termos estaticos quer termos de segurança para todos os intervinientes. As soluções PERI em consolas SKS 2E2 e SCS 190 garantem a sua adaptabilidade aos diferentes angulos e curvaturas do corpo da Barragem permitindo que a zona de trabalho esteja sempre nivelada face à inclinação vertical dos paramentos. Estas soluções permitiram uma elevada rentabilidade de execução, entre as diferentes fases de construção e uma optimização dos recursos em obra. As peças mais complexas, nomeadamente os descarreadores de superficie foram executados com utilização de esquadros de grande capacidade SB0 e sistema VARIOKIT.
    A execução da Central Hidroelectrica enterrada colocou diversos desafios à equipa de projectistas PERI, devido à complexa estereotomia projectada para as paredes e poços da central, que obrigou a adaptar as alturas e larguras das consolas, e a execução em avanço das cofragens à escavação total dos elementos enterrados. Face às exigencias impostas pela arquitectura, utilizamos diversos sistemas PERI, VARIO, Consolas SCS 190, Consolas SKS240F, Multiprops, Multiflex, de modo a podermos enquadramo-nos nas especificações e estereotominia exigidas pela EDP e ACE.
    Para a execução dos tuneis em carga (TC1 – 490ml e TC2 – 550ml) recorremos à execução de dois moldes de soleira e dois moldes de hasteias / abobadas pré-fabricados de acordo com o projecto elaborado no departamento tecnico PERI, incluindo o circuito hidráulico para abertura e fecho do molde metalico (hasteais e aboboda), garantindo a execução e rentabilidade para as 100 betonagens a realizar nos dois tuneis com rendimentos de produção de 2 e 3 betonagens por semana.
    A Tomada de Água fora executada com sistemas de consolas SKS para betonagem a uma face e sistemas de cofragem TRIO/RUNDFLEX. Dada a inclinação da laje o sistema de cofragem solucionado fora o Sistema VARIO com escoramento misto entre ST100 e MULTIPROP, permitindo minimizar o numero de fases de betonagem.
    Cliente: Barragem de Foz Tua ACE
    Director de Obra: Engº Paulo Libório
    Director Técnico: Engº Nuno Henriques
    Director de Produção: Engº Vasco Dinis
    Delegação/Departamento: Delegação Norte
    Projectado por: PERIcofragens Lda. Cofragens e Andaimes, Portugal
    PERIcofragens, Lda.
     
    LinkedIn
    Facebook
    Twitter